quarta-feira, 24 de julho de 2013

SERÁ MESMO NECESSÁRIO GOVERNADOR? JÁ VIU COMO ESTÁ A SAÚDE , SEGURANÇA E A EDUCAÇÃO? ISSO REALMENTE É PRIORIDADE EM SEU GOVERNO?




CUIDADO ELEIÇÕES ESTÃO CHEGANDO E VOU COBRAR ISSO HEIM? 



Parceria entre Governo e Ambev vai gerar novos empregos na Serra

O governador Raimundo Colombo selou a participação do Estado no processo de ampliação da fábrica catarinense da Companhia de Bebidas das Américas - Ambev. A assinatura do protocolo de intenções, prevendo incentivos fiscais para o projeto, foi nesta sexta-feira, 19, em Lages. A empresa vai investir R$ 140 milhões para aumentar a capacidade de produção, gerando 100 novos empregos diretos. “E não é só isso. Além das novas oportunidades de trabalho, a Ambev é uma das maiores referências em arrecadação de impostos no Brasil e em Santa Catarina, o que torna ainda mais importante essa parceria para o desenvolvimento econômico da região e de Santa Catarina”, destacou Colombo.

Pelo acordo, o Governo irá prorrogar o prazo de pagamento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) correspondente ao valor do investimento realizado na expansão da unidade industrial. Esses incentivos estão previstos no Programa de Desenvolvimento da Empresa Catarinense (Prodec), criado para estimular a implantação ou expansão de empreendimentos industriais e comerciais que vierem a gerar emprego e renda no Estado.Como contrapartida, a empresa irá investir em novas linhas de produtos, e gerar os cem empregos diretos no prazo de 12 meses contados da data de concessão do tratamento tributário diferenciado. Compromete-se, também, a priorizar a aquisição de produtos e serviços de fornecedores sediados no Estado e a dar prioridade para empregar pessoas residentes na região.

Em 2012, a Ambev foi responsável pela geração de R$ 668 milhões em impostos no Estado, valor 16% maior do que em 2011. "Para se ter uma ideia do impacto em Lages, a empresa, sozinha, representa metade de tudo o que o município arrecada. A filial emprega hoje 500 funcionários e a produção abastece os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul", comentou o prefeito de Lages, Elizeu Mattos.

Com a expansão, a unidade, que funciona em Lages desde 1994, passará a produzir cerveja sem álcool e vai lançar também uma linha de garrafas retornáveis de 300 ml. Atualmente, as cervejas Brahma, Skol, Skol 360, Antarctica, Antarctica Sub Zero, Bohemia, Original, Malzebier e Polar são fabricadas na unidade lageana.

O vice-presidente financeiro da Ambev, Nelson Jamel, destacou que a fábrica de Lages é estratégica pela localização geográfica. “Essa ampliação celebra a nossa aposta no potencial da região e é também um investimento da mais alta tecnologia para manter a nossa produção no mais elevado padrão de qualidade”. Além da cervejaria, em Lages, a companhia possui mais três centros de distribuições no Estado localizados em Blumenau, Florianópolis e Balneário Camboriú.

A Ambev no Brasil

A empresa é sediada em São Paulo, com operações em 16 países das Américas (Argentina, Brasil, Bolívia, Canadá, Chile, El Salvador, Equador, Guatemala, Nicarágua, Paraguai, Peru, República Dominicana, Uruguai, Dominica, Antigua e St. Vincent). Líder no ranking das cervejarias na América Latina, a Ambev é dona de um dos mais famosos portfólios de bebida, como Guaraná Antarctica, Soda, Pepsi, Sukita, H2OH!, Gatorade, Chá Lipton, além da Brahma 0,0%, totalmente sem álcool. No ano de 2012, o volume de vendas da companhia chegou a quase 170 milhões de hectolitros de bebidas com uma receita líquida de R$ 32,2 bilhões.

Mais informações
Qualquer informação adicional pode ser obtida por meio do telefone da redação da Secom/SC no (48) 3665-3006 ou com a assessora Francieli Dalpiaz, que acompanha o governador. O celular da assessora é (48) 8843-5676. Outros contatos e informações do Governo estão disponíveis na página Sala de Imprensa.
As fotos também estão disponíveis na página Galeria de Fotos e são de uso livre da imprensa. Para pedidos de fotos ou outro material de imagens, favor enviar no fotografia@secom.sc.gov.br ou diretamente pelo telefone (48) 3665-3013.

Estamos à disposição GOVERNO DE SANTA CATARINA.

Foto: Antonio Carlos Mafalda/Secom

Nenhum comentário: